Início O cão de gadoManual de criaçãoA conservação do LoboVantagens do Cão de GadoOutros métodos de protecção

Noticias
Eventos
Divulgação
Bibliografia
Os nossos cães
Projectos
Legislação
Colaboradores
Apoios
Ligações
Contactos
Voltar à página do Grupo Lobo

Voltar ao Manual de criação

Como avaliar a eficácia do cão de gado?

A eficácia dos cães de gado é tradicionalmente avaliada através da comparação entre o número de prejuízos antes e depois da sua integração no rebanho. No entanto, este método nem sempre é suficiente para traduzir a real eficiência dos cães, devido aos inúmeros factores que podem influenciar a predação (ex: densidade de predadores, disponibilidade de presas alternativas, práticas de maneio do gado). Assim, para além da análise dos prejuízos é importante dispôr de outros métodos que permitam avaliar o desempenho do cão e que forneçam informação adicional, menos dependente das variáveis ambientais. Um destes métodos é a avaliação comportamental dos cães de gado segundo o modelo proposto por Coppinger & Coppinger (1980) que define três componentes para este tipo de cães: Atenção, Confiança e Protecção.

Também a satisfação do proprietário e a sua avaliação do desempenho dos cães é de grande importância para determinar o real sucesso da medida proposta.

Um dos aspectos a ter em consideração na avaliação dos cães de gado é que estes cães, apesar de poderem alcançar a dimensão de um adulto e atingir a maturidade sexual em menos de 1 ano de idade, apenas atingirem a maturidade psicológica ao 1,5-2 anos de idade. Antes dessa altura não se deve esperar que um cão comece a defender eficazmente o rebanho, uma vez que o seu comportamento ainda é essencialmente juvenil. Assim a avaliação apenas deverá ser efectuada após os cães terem atingido essa idade.

 

Para mais informações consultar o relatório Procedures for LGD Selection, Integration, Monitoring and Evaluation (Brevemente disponível).