Início O cão de gadoManual de criaçãoA conservação do LoboVantagens do Cão de GadoOutros métodos de protecção

Noticias
Eventos
Divulgação
Bibliografia
Os nossos cães
Projectos
Legislação
Colaboradores
Apoios
Ligações
Contactos
Voltar à página do Grupo Lobo

Origem | Função | Comportamento | Morfologia | Raças | Eficácia

Os cães de gado têm sido utilizados pelos pastores durante centenas de anos e fazem parte do sistema tradicional de pastoreio utilizado em Portugal e noutros Países do Mediterrâneo e da Ásia. Como método de protecção, o cão de gado destaca-se pela sua ancestralidade e capacidade de adaptação às diferentes situações de pastoreio e de maneio tradicional do gado, sendo um método de utilização generalizada.

Por toda a Europa mediterrânica, onde a produção pecuária adquiriu uma grande importância económica, podiam encontrar-se cães de gado acompanhando os rebanhos durante o percurso diário de pastoreio ou durante as migrações transumantes de verão, em busca de melhores pastos. Estas migrações sazonais, que podiam atingir centenas de quilómetros e durar vários meses, implicavam a movimentação de milhares de animais ao longo de rotas estabelecidas que cruzavam os países de Norte a Sul, chegando a atravessar fronteiras.

Os cães de gado possuem uma morfologia e comportamento característicos que os tornam muito eficientes na protecção dos animais domésticos dos ataques dos predadores. Estas características resultaram de uma selecção baseada no comportamento, efectuada pelo homem ao longo de milhares de anos.